O candidato, Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores PT ao cargo da presidência da República apresentou, ao Tribunal Superior Eleitoral, uma série de propostas para melhorar a área da saúde no Brasil.

O projeto prioritário consiste em promover a saúde como direito fundamental de todos.

Projeto 1

Regular de forma mais transparente os planos privados de saúde, em favor de 22% da população que pagam por planos coletivos e individuais

Projeto 2

Implantar o quesito cor em todas as áreas de atendimento à saúde e no desenvolvimento de campanhas.

Projeto 3

Fortalecer a regionalização dos serviços de saúde, que deve se pautar pela gestão da saúde Inter federativa, racionalizando recursos financeiros e compartilhando a responsabilidade com o cuidado em saúde.

Projeto 4

Fortalecer os conselhos e conferências de saúde, de forma que seu papel de formulação de políticas seja o orientador das políticas para o setor.

Projeto 5

Atuar fortemente na área da promoção da saúde, por meio de programas que incentivem a atividade física e alimentação adequada, saudável e segura.

Projeto 6

Implantar programas de valorização do parto normal, humanizado e seguro, de superação da violência obstétrica e da discriminação racial no SUS.

Projeto 7

Enfrentar o desafio de ornar o SUS realmente universal e integral, aperfeiçoando a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB) para consolidar esses pressupostos constitucionais.

Projeto 8

Retomar e ampliar programas de amplo reconhecimento popular e de especialista, como o Mais Médicos e a Estratégia de Saúde da Família, o SAMU, o Farmácia Popular, Brasil Sorridente, a Rede de Atenção Psicossocial (com os CAPS III e Residências Terapêuticas) e a Rede de Atenção às pessoas com Deficiência, entre outros.

Projeto 9

Organizar e intensificar os mutirões de exames e cirurgias.

Projeto 10

Criar Rede de Especialidades Multiprofissional (REM), em parceria com Estados e municípios, com polos em cada região de saúde.

Projeto 11

Investir na implantação do prontuário eletrônico, que reúne o histórico de atendimento de saúde dos pacientes no SUS.

Projeto 12

Estimular a inovação na saúde, ampliando a aplicação da internet e de aplicativos na promoção, prevenção, diagnóstico e educação em saúde.

Projeto 13

Implantar um eficiente sistema de regulação das filas para gerenciar o acesso a consultas, exames e procedimentos especializados, em cogestão com estados e municípios.

Projeto 14

Implementar um Plano Nacional para o Envelhecimento Ativo e Saudável.

Confira as propostas dos presidenciáveis : clique aqui!

FONTE: TSE